Diplomação dos eleitos no Distrito Federal será realizada hoje à noite

postado em: Geral | 0

Além do futuro chefe do Executivo local, os próximos vice-governador, senadores, deputados federais e deputados distritais receberão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) documento que os torna aptos a tomar posse, em 1º de janeiro.

O governador eleito do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), receberá na noite de hoje do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) o diploma que o habilita a tomar posse como chefe do Palácio do Buriti a partir de 1º de janeiro. A cerimônia de diplomação é o ato pelo qual a Justiça Eleitoral atesta que o candidato foi efetivamente eleito pelo povo e marca o fim do processo eleitoral. Presidente da Corte, a desembargadora Carmelita Brasil entregará o documento ao emedebista.

Ibaneis venceu o governador Rodrigo Rollemberg no 2º turno: “Os compromissos de campanha, eu garanto” (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press )


O evento ocorrerá no Auditório Pedro Calmon, no Setor Militar Urbano (SMU), às 19h. Também serão diplomados os outros 39 candidatos eleitos neste ano no Distrito Federal, como o futuro vice-governador, Paco Britto (Avante), os senadores Leila do Vôlei (PSB) e Izalci (PSDB) — assim como os dois suplentes de cada um deles —, além dos deputados federais e distritais escolhidos pela população (veja Rumo ao poder).


A cerimônia será restrita a convidados. Todos os eleitos confirmaram presença, mas, caso algum não compareça à sessão de hoje, deverá pegar o diploma antes da data da posse. Mesmo aqueles que tiveram as prestações de contas da campanha rejeitadas pelo TRE — Luis Miranda (DEM), para o cargo de deputado federal, e Agaciel Maia (PR), Reginaldo Veras (PDT) e Chico Vigilante (PT), para distrital — receberão o diploma nesta noite. “Não há nenhum eleito impedido de ser diplomado no DF. A reprovação de contas pode ser revista após recurso; então, não é requisito para impossibilitar a diplomação”, informou o TRE.

Fonte: Correio Braziliense